Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Arrelia do Quico

Agora, o Quico, vive noutra Esfera, sem arrelias ... mas, por aqui, todos nós continuamos filhos do Sol e amigos do Quico

Agora, o Quico, vive noutra Esfera, sem arrelias ... mas, por aqui, todos nós continuamos filhos do Sol e amigos do Quico

A Arrelia do Quico




Na Rota de Apolo, como o Vexiloide de Alexandre Grande



Nat2005,28 166.jpg

Eras o gato mais lindo

Tu eras o mais lindo dos gatos. Eras o mais belo companheiro que qualquer pessoa gostaria de ter. Hoje tenho outro companheiro, amigo do coração. A tua Dona diz que foste tu que o enviaste para nós. Parece que o nosso amigo Ticas continua a querer ser tal como tu eras. Eu penso que foste tu e a deusa Bastet que o colocaram no nosso caminho. Ele já esteve no teu sítio e ficas a saber que esta figura de gato, merece, tal como tu mereceste, tudo o que come. Ele tem a mania que é macaquinho e só quer andar ao meu ombro. É uma beleza o nosso Pilantrinhas.


Podem ver aqui todos os Links dos meus Blogs. É só abrir e espreitar



O Lince Ibérico corre perigo de extinção


Podem ver aqui, o Índice dos Posts da Arrelia do Quico


04
Dez03

Os meus amigos Nhiço e Magda

Pilantras - o Quico morreu Quico, Ventor e Pilantras

O Nhiço, tal como eu, foi abandonado.

 

amigo.jpg

 

O Nhiço

 

Ele é o mais velho da família, depois do Rafinho. Foi atropelado quando o dono permitiu que uma colega da escola o pegasse. Um carro passou a fazer grande barulho e o Nhiço assustou-se, ela assustou-se também, e largou-o. Ele fugiu e o carro seguinte atropelou-o. Gastaram umas coroas valentes para o salvar. Infelizmente a vida é dura para todos, até para gatos.

 

Conheci o Nhiço ainda quando eu era pequenino. Ele não me oferecia muita segurança e eu escondia-me dele. A minha amiga Magda, gostava de mim e procurava-me, mas ela era um pouco parecida comigo na cor da pele e vínhamos do tronco da mesma árvore, mas já com muitos cruzamentos. Ela descende de um ramo Siamês e eu sou produto das brincadeiras dos homens. A Magda nasceu na cave dos seus donos. A mãe, com os olhos e uns miares, pediu por misericórdia que lhe olhassem pela filha.

 

 

magda.jpg

 

A Magda

 

Dizem que eu sou descendente de Siamês e Balinês. Aquela célebre ilha indonésia, lembram-se? Acho que os americanos e sempre as suas experiências, deram origem a um novo ramo das minhas gentes. O RagDoll! Eu descendo dos ragdolls americanos que apareceram por cá algures no tempo. Não muito longo! Isso mesmo, chamam-nos "Bonecas de Trapos"! Dizem que é por nós podermos ser pegados pelas crianças e permitir todas as patifarias sem as arranharmos.

 

Na verdade, há três anos que eu convivo com a Joana e nunca tive vontade de a arranhar e olhem que ela é bem chata, às vezes! Agora também tenho que aturar o Tomás, de vez em quando e esse patife quer-me puxar o rabo, mas eu sou amigo a valer daquele "new cowboy"!



O Quico também sonhou ao lado do Ventor. A vida solitária e nefasta dos seus amigos que observava do seu Miradouro, foi sempre, a sua grande arrelia


1 comentário

Comentar post

O Ventor e o Quico no seu Miradouro




Diana ao encontro do Ventor na sua charrete


Cibele entre as estrelas ao encontro do Ventor


cibele.jpg

Vou estar aqui

Veja, neste link, como o Pilantras apareceu na vida do Ventor

O "Ticas" nos Trilhos do Ventor

quico_photos's A morte do Quico slideshow on Photobucket

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.