Os Massai, como devem calcular, são amigos do Ventor. A minha dona resolveu oferecer ao Ventor, figuras dos nossos amigos Massai. Dizem que são santos Massai!

 

 

Se nós temos a nossa Senhora de Fátima, o nosso Santo António,o nosso S. João, o nosso S. Pedro (que até tem as chaves da nossa última morada), porque não terão os Massai os seus santos também?

 

Mas o Ventor mal os viu disse logo que eram seus amigo! Ele é o guardião dos Massai e ela é a guardiã. O Ventor disse logo que quem venera o nosso amigo Apolo, tem de ser seu amigo. Vejam como ela tem bem presente Apolo nas suas vestimentas!

 

 

Mas os Massai amigos do Ventor, vestem-se de vermelho retinto nos planaltos do norte da Tanzânia e do sul do Kenia e a sua única riqueza é o seu gado. Veneram o gado e Apolo! Diz o Ventor que têm um grande defeito! Tirar sangue aos animais para o beberem como bebem o leite! Apolo faz crescer as ervas cheias de clorofila e eles recompôem-se logo!

 

 

São uns chatos estes Massai, mas espero que não me tirem o sangue a mim, porque de clorofila só tenho as ervinhas que o ventor me vai buscar.

 

 

Como podem apreciar, são umas belezas os santos Massai



O Quico também sonhou ao lado do Ventor. A vida solitária e nefasta dos seus amigos que observava do seu Miradouro, foi sempre, a sua grande arrelia


tags:
publicado por Quico, Ventor e Pilantras às 10:03