O Ventor, quando a minha dona, estava em apuros, teve de a deixar e, de regresso a casa, lembrou-se das minhas ervas. Quando apanhava as ervas encontrou este louva-a-deus que lhe disse: "Está descansado Ventor, que eu rezo por ela. O Senhor da Esfera vai olhar por nós"!

 

Out,16-293.jpg 

Mais um dos amigos do Ventor

 

Agora, para todas as amigas e amigos que querem saber da minha dona, ela parece que está a recuperar bem e, se calhar, o Ventor vai trazê-la hoje para casa, embora ainda ontem o médico lhe tenha dito que ela é uma apressadinha! Vocês nem imaginam as saudades que eu tenho da minha dona! Passo as noites irrequieto e a chamar por ela, e nem eu nem o Ventor dormimos. Logo que o Ventor traga a minha dona, eu prometo colocar aqui essa informação, a não ser que os homens que destruiram os cabos eléctricos na rua, continuem à procura de soluções para resolver o problema definitivamente. Um curto-circuito subterrãneo deixou-nos sem energia, sem Netcabo, sem TV Cabo, sem ... o Ventor é que sabe! Há três dias que nem sim nem sopas. As duas coisas! Agora, o Ventor vai ter com a minha dona e logo que haja novidades eu informo. Não tenho conseguido enviar e-mails. A todos muito obrigado.



O Quico também sonhou ao lado do Ventor. A vida solitária e nefasta dos seus amigos que observava do seu Miradouro, foi sempre, a sua grande arrelia


tags:
publicado por Quico, Ventor e Pilantras às 09:32