Frase que mata!

 

Um dia, nesta mescla de linguagem entre humanos e animais, o meu Quico, numa conversa comigo, depois de eu lhe dizer que as testemunhas de Jeová e talvez outras religiões estancadas e afogadas em tanques de água gelada, não gostavam do meu (nosso) Senhor da Esfera. A resposta dele foi: "que te interessa a ti? A mim não me interessa nada"!

 

 
O anjo S. Gabriel e Maomé (tirado da Wiki)

 

De facto, não devemos interessar-nos se outros gostam ou não daquilo que nos interessa a nós. Eu sei que as religiões não passam de uma amalgama de interesses a que os homens estão expostos, individual ou colectivamente. E, devido a essa exposição de interesses, acabam por entrar em conflitos uns com os outros, conflitos que chegam a levar a escaramuças várias e a choques sociais que, muitas vezes, desencadeiam guerras e a morte de milhares de pessoas, por nada. Sim, podemos dizer, por nada!

 

 
O mais antigo Painel Iconográfico do Cristo Pantocrator, datado do Sec. VI (tirado da Wiki)

 

Em vez de levarmos as lutas aos campos de Cristo, de Maomé, de Buda, de Confúcio e tantos outros, porque não caminhamos com Aquele que eles todos, cada um à sua maneira, tentam representar? O Senhor da Esfera! Esta é a Esfera Global, Universal, a Esfera onde cabem todas as esferas! Se vermos bem, apesar de existirem triângulos, quadrados, pentágonos, hexágonos, etç., todo o mundo é composto por esferas. As células, os átomos, serão, mais ou menos, de formato esférico. Cada cérebro humano, representa, grosso modo, uma esfera. Daí, cada cabeça, cada sentença, porque as esferas não são todas iguais, no formato e, ou no conteúdo cinzento. Sabemos que, na Natureza, as esferas não são perfeitas e existem num formato esferóide. O próprio Universo será, um esferóide composto de um plasma do qual as estrelas, planetas, cometas, etç, fazem parte, fluindo nesse todo plasmado onde todos nós pertencemos.

 

Foi na discussão desse todo que apareceram formatos de explicação que levaram os homens a impor os seus pontos de vista à sociedade onde também fluem. Por isso apareceram várias ideias e, delas, resultaram várias teorias e filosofias. A minha e a do meu Quico era e é, a da Esfera! Na cabeça de Cristo cabia um todo a que chamamos Deus, tal como na cabeça de Maomé, de Buda, de Confúcio e de outros.

 

 
Buda (tirado da Wiki)

 

Depois vêm as frases feitas, estudadas, elaboradas e projectadas no papel, na lápide, no plasma, de várias formas e, actualmente, projectadas com bites. Seja como for, todos nós usamos frases nossas ou de outros, com as quais estamos de acordo, mais ou menos elaboradas, mais ou menos simples, mais ou menos com projecção universal, como essa que serve de título a este post e que levou à morte de mais um homem que de propósito ou não, a lançou na pequena esfera onde cabia, pelo menos, ele e o homem que lhe tirou a vida por tão pouco.

 

Dizer que "Deus é Grande", pelo menos, em árabe, é criminoso na mente dos judeus. Para os árabes, a mesma frase, dita na linguagem dos judeus, também pode ser criminosa apenas por ser expressa, na linguagem dos seus inimigos judeus. Afinal, morre-se por tão pouco! Quer isto dizer que, se um árabe disser na linguagem judaica "Deus é Grande", ao lado dos seus irmãos também poderá ser abatido por eles, tal como o judeu foi, por outro judeu só porque se imaginou insultado por um árabe, num dos seus pedaços de território mais sagrados.

 

 
Confúcio (tirado da Wiki)

 

Isto só provou que, qualquer judeu, será capaz de matar o seu próprio pai se o ouvir falar em árabe que Iavé é Grande e não tenha tempo para o identificar! Isto, em defesa das frases feitas e que lhes pareçam certas ou erradas.

 

Enfiem-se na Grande Esfera e vejam como o Todo-Poderoso vive lá! Está lá e nós estamos lá com Ele. Com o Senhor da Esfera!

Não me parece que valha a pena dizer algo mais sobre isto, pelo menos, neste post.



O Quico também sonhou ao lado do Ventor. A vida solitária e nefasta dos seus amigos que observava do seu Miradouro, foi sempre, a sua grande arrelia


tags:
publicado por Quico, Ventor e Pilantras às 18:55